segunda-feira, 13 de setembro de 2010

QUOCIENTE (RESULTADO DE UMA DIVISÃO)PARA DEPUTADO ESTADUAL

O Estado do Rio Grande do Norte com mais de dois milhões de eleitores. Para se saber com quanto votos são precisos uma candidato a deputado estadual ser eleito, basta dividir 2 milhões, por 24, número de cadeiras na Assembleia Legislativo, cujo resultado é 83 mil votos. Portanto essa conversa que candidato tal se conseguir 15 votos está eleito é conversa fiada. Uma pessoa pode ser leita até mesmo com menos votos, caso um candidato, da mesma coligação conquiste mais votos do que o necessário, daí, esses sufrágios vão para o segundo colocado, como foi o caso do saudoso deputado federal pelo Rio de Janeiro que conquistou um milhão e meio de votos, se elegendo e elegendo todos os candidatos de sua coligação, cujo o último, apenas obteve 193 votos.
Um exemplo: Agnelo Alves obter 120 mil; Germano de Caicó, conquiste 50 mil e Sargento Regina 20 mil, somando 190 mil.Se votar os dois milhões, o que realmente não acontece, mas vamos trabalhar com a quantidade de eleitores daí estão eleitos AGNELO e GERMNO , sobrando aí mais de 10 votos, cuja quantidade, somando com os votos dos demais candidatos, caso chegue aos 83 mil, daí REGINA ou qualquer outro que venha ser o 3º colocado estará eleito.
VOU ARRISCAR QUEM SERÃO OS 4 MAIS VOTADOS NA COLIGAÇÃO DA SARGENTO REGINA:
1º - AGNELO ALVES -80 mil
2º - GERMANO - 35 mil
3º - SGT REGINA - 25 mil
4º - FLAVIANO - 15 mil
Nessa condição, Regina pode ser eleita, tendo em vista que pela dificuldade do eleitor votar, principalmente para deputado estadual, no máximo votará um milhão de eleitores, sendo necessário cerca de 43 mil votos. Nesse caso, a sobra de Agnelo elegeria Germano e Regina. Vamos esperar os resultados das urnas do dia 3 de outubro.
No caso de Flaviano de Apodi, precisará que os outros candidatos conquiste uma quantidade de 35 mil votos, daí essa coligação elegeria 4 deputados

Nenhum comentário:

Postar um comentário